Coaching

Porque sofremos?

O Universo é constituido na mais perfeita harmonia.
Tudo pode servir para nos infundir a mais absoluta paz e felicidade.
Maravilhosas estradas foram feitas para serem percorridas e grandiosas florestas para serem contempladas. Entretanto, se invertermos as coisas, caminhando pelas florestas e olhando as estradas, então seremos infelizes.
São portanto as nossas próprias ilusões as causas fundamentais de nossos padecimentos.
A convicção de que somos da terra, ignorando que estamos apenas de passagem por este planeta, de onde sairemos sem nem sempre quisermos ou esperarmos.
A convicção de que alguma coisas nos pertence, ignorando que tudo pertence ao todo do qual fazemos parte, que nos empresta e nos toma unicamente segundo as suas leis.
A convicção de que somos apenas os distintos, perecíveis e transitórios corpos materiais, ignorando que somos a essência imortal infusa no Universo manifestando-se de infinitas maneiras e que não há separação real entre os seres.
A convicção de que já chegamos a um nível de alta inteligência e superioridade, ignorando que ainda somos crianças espirituais, nos primórdios de nossa evolução, do que provém naturalmente os nossos desconhecimentos e as nossas fraquezas.
A convição de que é necessário atribuir culpa e responsabilidade pelo que acontece aos seres e coisas, ignorando que a rede de causas e consequências é infinita, múltipla e intrincada, e que o melhor a fazer é buscar a compreensão e cooperação, para realizar o melhor para si e para todos, tornando-se parte da causa maior e manifestando a harmonia universal.