Aprendizagem, Criatividade, informações, Produtividade

Não leia livros. Gerencie-os.

O desafio de ler bem um bom livro é que ele tem que ser lido várias e várias vezes até virar o nosso companheiro de reflexão.

(Quando digo aqui um “bom livro” pensei primeiramente não em uma leitura de lazer e sim um conteúdo de referência. Mas depois pensei bem: até os livros de lazer podem ser de aquisição de conhecimentos e referências, então é melhor dizer que são todos…)

Um só livro bem lido pode demorar meses nessa empreitada. Deve se tornar parte de nossos pensamentos. Se apenas nos conformarmos em separar nossa estante em “lidos” e “a ler” não estamos tirando proveito real dos livros.

Devemos fazer uma triagem mais profunda, incluindo livros “em avaliação”, “em leitura superficial”, “em fichamento de ideias”, “em discussão comparativa” e, é claro, sempre tem um ou outro “para enfeitar a prateleira”.

Isto se chama “gerenciar o conhecimento”. O que deve sobrar de um livro que passa por este processo é o seu conhecimento internalizado e algumas fichas no computador.

Por isso, não compre livros para os “ter”. Permita que eles se tornem parte de você ou os mande para outro que possa fazê-lo.

                                 Antonio Azevedo
                          antonioazevedo.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s